Contraf-Brasil finaliza reunião de Planejamento Estratégico e aponta rumos da luta para o próximo período

Foram três dias de debates, onde diversas lideranças do sistema Contrafiano discutiram importantes pautas da Agricultura Familiar

Escrito por: Leidiane Souza • Publicado em: 08/12/2021 - 18:52 • Última modificação: 08/12/2021 - 19:04 Escrito por: Leidiane Souza Publicado em: 08/12/2021 - 18:52 Última modificação: 08/12/2021 - 19:04

Contraf-Brasil

"Uma ideia torna-se uma força material quando ganha as massas organizadas". A famosa frase do filósofo alemão, Karl Marx deu tom ao início das discussões realizadas no último dia da reunião de Planejamento Estratégico promovido pela Contraf-Brasil/CUT. 

Reunidos desde segunda-feira (6), em Brasília, lideranças do sistema Contrafiano dos quatro cantos do país discutiram durante três dias importantes pautas que subsidiarão a construção coletiva de um plano de ação operacional para avançar nas pautas da Agricultura Familiar. 

Ao todo, participaram representantes de 14 estados (DF, GO, MT, BA, CE, PE, PI, RN, PA, MG, SP, PR RS E SC). 

Entre alguns dos apontamentos retirados durante a reunião, os agricultores e agricultoras familiares foram unânimes em reafirmar a necessidade estabelecer um amplo modelo de debates que contemple e aprofunde as pautas da Agricultura Familiar, disputar espaços de fala nas eleições de 2022, reafirmar junto ao governo a necessidade de promover pesquisas com viés agroecológico,  fortalecer o protagonismo da Contraf-Brasil, bem como investir em formação através de seminários, debates e muito mais.

A coordenadora Geral da Contraf-Brasil, Josana Lima parabenizou e categoria pelo compromisso em intensificar os debates.

"Tivemos uma semana de ações importantes, onde pudemos pensar coletivamente nos desafios impostos. Estamos passando por um período complicado, em que muitas com pessoas então passando fome.  Por isso, mais que nunca precisamos mostrar que a Agricultura Familiar é fundamental. Saímos desse encontro revigorados para luta e reafirmamos nossso compromisso com a população e, principalmente, com nossa base, para que possamos nos organizar e avançar cada dia mais", disse.  

A Secretária Nacional de Comunicação da CUT, Rosane Bertotti colaborou nas discussões e afirmou que a organização é uma ação central. "Em 2021 a Contraf-Brasil completa 16 anos e recordar nossa história e nossos avanços é também mostrar que a Agricultura Familiar tem um importante papel em meio a um período de tantos retrocessos", ponderou a dirigente. 

"Estou feliz porque conseguimos extrair bons apontamentos e saímos dessa reunião com a missão de incidir sobre o plano de governo do próximo presidente da República, pois queremos ter clareza das políticas principais e estruturantes para os povos do campo, das águas e das floresas", concluiu o coordenador de Relações Internacionais, Marcos Rochinski.

Título: Contraf-Brasil finaliza reunião de Planejamento Estratégico e aponta rumos da luta para o próximo período, Conteúdo: Uma ideia torna-se uma força material quando ganha as massas organizadas. A famosa frase do filósofo alemão, Karl Marx deu tom ao início das discussões realizadas no último dia da reunião de Planejamento Estratégico promovido pela Contraf-Brasil/CUT.  Reunidos desde segunda-feira (6), em Brasília, lideranças do sistema Contrafiano dos quatro cantos do país discutiram durante três dias importantes pautas que subsidiarão a construção coletiva de um plano de ação operacional para avançar nas pautas da Agricultura Familiar.  Ao todo, participaram representantes de 14 estados (DF, GO, MT, BA, CE, PE, PI, RN, PA, MG, SP, PR RS E SC).  Entre alguns dos apontamentos retirados durante a reunião, os agricultores e agricultoras familiares foram unânimes em reafirmar a necessidade estabelecer um amplo modelo de debates que contemple e aprofunde as pautas da Agricultura Familiar, disputar espaços de fala nas eleições de 2022, reafirmar junto ao governo a necessidade de promover pesquisas com viés agroecológico,  fortalecer o protagonismo da Contraf-Brasil, bem como investir em formação através de seminários, debates e muito mais. A coordenadora Geral da Contraf-Brasil, Josana Lima parabenizou e categoria pelo compromisso em intensificar os debates. Tivemos uma semana de ações importantes, onde pudemos pensar coletivamente nos desafios impostos. Estamos passando por um período complicado, em que muitas com pessoas então passando fome.  Por isso, mais que nunca precisamos mostrar que a Agricultura Familiar é fundamental. Saímos desse encontro revigorados para luta e reafirmamos nossso compromisso com a população e, principalmente, com nossa base, para que possamos nos organizar e avançar cada dia mais, disse.   A Secretária Nacional de Comunicação da CUT, Rosane Bertotti colaborou nas discussões e afirmou que a organização é uma ação central. Em 2021 a Contraf-Brasil completa 16 anos e recordar nossa história e nossos avanços é também mostrar que a Agricultura Familiar tem um importante papel em meio a um período de tantos retrocessos, ponderou a dirigente.  Estou feliz porque conseguimos extrair bons apontamentos e saímos dessa reunião com a missão de incidir sobre o plano de governo do próximo presidente da República, pois queremos ter clareza das políticas principais e estruturantes para os povos do campo, das águas e das floresas, concluiu o coordenador de Relações Internacionais, Marcos Rochinski.



Informativo CONTRAF-BRASIL

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.